Crônicas Escolares

Educando Por Princípios

A motivação é importante no processo de aprendizagem? 27/01/2010

Filed under: Espaço para Professores — Ana Beatriz Rinaldi @ 18:41

Após observar por anos as salas de aula, cheguei à conclusão que a motivação é uma das grandes chaves do sucesso de uma boa aula. Aliás, os estudos sobre aprendizagem  desenvolvidos por  Dörney 1998 (apud Brown, 2000), também defendem a importância da motivação.

Você acha que podemos dar o que não temos?

Um professor desmotivado pode motivar um aluno? Um aluno motivado pode motivar um professor?

Você está no grupo de professores que dedicam parte do seu tempo e esforço planejando atividades que vão despertar/motivar o aluno a gostar de aprender?

Quando me refiro à motivação, me refiro a despertar a chama que leva o aluno a desejar saber mais sobre determinado assunto.

Mas como fazer isso?

A escola behaviorista, por exemplo,  acredita que a necessidade é fator de motivação e a satisfação da necessidade é gratificante.

Afinal, por que a motivação pode fazer diferença?

Porque quando um professor se preocupa em elaborar perguntas inteligentes que desafiam o aluno a desejar conhecer as respostas ele esta motivando este aluno.

A pergunta bem elaborada, contextualizada, interessante, é uma forma de motivar. Saber perguntar é uma arte que se aprende.

Saber ouvir o aluno também é uma forma de motivá-lo. Quando você ouve o aluno você está dizendo que o que ele pensa é importante e você se importa. Deixar o aluno perguntar é uma forma de saber o que ele já conhece sobre o assunto e portanto partir desse conhecimento para acrescentar novos conteúdos.

Os desafios são formar de motivação intrínseca. Será que o professor sabe transformar seu conteúdo em um desafio que o aluno precisa vencer?

Os alunos gastam horas sendo desafiados nos games, mas quando chegam à sala de aula, onde está o desafio? Abrir uma apostila pode ser considerado um desafio positivo? Acredito que muitas vezes o único desafio é ficar acordado!

Muitas vezes tenho visto conteúdos serem lançados sem nem mesmo uma explicação do por que é importante saber aquele assunto. Os objetivos da aula nem sempre são claros.

Não pretendo aqui elaborar sobre o assunto, apenas despertar no professor o interesse pelo conceitos de motivação e suas implicações no processo de aprendizagem.

A verdade é que gostamos de participar de uma aula onde estamos motivados para aprender e mal podemos esperar para estar na sala e aprender mais sobre um assunto que nos interessa.

Vamos nos comprometer a gastar tempo com nossos planejamentos e objetivos para que nossas aulas sejam enriquecidas com vários instrumentos de motivação. Perguntar, desafiar, criar necessidades, contextualizar, são apenas alguns instrumentos de motivação, vamos criar muitos outros!

Aceitemos o desafio!

 

Vocabulário e o Desenvolvimento da Criatividade do Aluno 26/11/2009

Filed under: Espaço para Professores — Ana Beatriz Rinaldi @ 12:48

Por que é importante ter um vocabulário rico?

Palavras inspiram idéias, e idéias tem conseqüências (Dra. Elizabeth Youmans)

Certa vez, durante uma aula para uma classe multiseriada, pedi aos alunos que fechassem os olhos por alguns minutos e em seguida me dissessem que palavras vinham em suas mentes. As crianças da classe eram órfãs e, portanto, sem exposição a um ambiente de letramento em casa. As palavras que vinham à mente delas eram simples, restritas ao contexto da sala de aula, como: mesa, cadeira, professora…

Repeti esse exercício em outra classe também multiseriada, mas desta vez em uma escola particular, onde as crianças tinham acesso a livros e seus pais haviam participado em um trabalho sobre a importância da leitura em voz alta em casa. As palavras que vinham à mente das crianças nessa classe eram um mais elaboradas, como: provisão, desenvolvimento, consumo e etc.

As palavras são “tijolos” para construir as idéias. Da mesma forma que quando falta tijolo numa construção física esta pára ou fica deficitária, os pensamentos são limitados pela falta de palavras. Como podemos pensar sem palavras? Como poderemos ter grandes idéias se o nosso vocabulário for pobre? As idéias começam na mente, se a mente não tem “tijolos” adequados para construir idéias, como vamos formar um aluno criativo?

(more…)

 

Psicomotricidade na Educação Infantil 03/11/2009

Filed under: Espaço para Professores — Ana Beatriz Rinaldi @ 16:25

Você já ouviu falar em Psicomotricidade?

Você educador da Educação Infantil conhece a importância da Psicomotricidade?

Sem o estudo da Psicomotricidade não podemos  compreender com profundidade como a criança toma consciência do seu corpo e das possibilidades de se expressar pôr meio deste corpo, locoalizando-se no tempo e no espaço

A Psicomotricidade contribui de maneira expressiva para a formação e estruturação do esquema corporal, o que facilitará a orientação espacial.

Para que ocorra o Desenvolvimento Psicomotor, faz-se necessário compreender a ação da Pré-Escola na estimulação do desenvolvimento psicomotor da criança. Não como um trabalho estanque no currículo pré-escolar, mas sim como um cuidado especial da professora em oferecer através das atividades livres e criadoras do dia-a-dia da Pré-Escola, estímulos ao desenvolvimento das percepções e dos movimentos, não se perdendo de vista o ser como um todo, único e essencialmente psicológico e social”. (Rita de Cássia Martins Barbosa”: Curso ESAB)

As  atividades realizadas na Pré EScola, devem ser da escolha da criança para que haja livre expressão. Desta forma, a criança estará desenvolvendo atitudes de iniciativa, responsabilidade, direção da própria atividade e criatividade. Mas se o trabalho proposto se resumir a fazer a criança seguir linhas,cobrir pontinhos ou áreas pré-determinadas, a criança estará aprendendo a executar tarefas sem considerar se os motivos que as originam são verdadeiros como provenientes de necessidades sua,ou não e pode até formar uma barreira caso resolva comparar o padrão das suas produções com as dos adultos.

Alguns exemplos de materiais que estimulam a psicomotricidade:

(more…)

 

Projeto de Pesquisa Pinóquio 28/10/2009

Filed under: Espaço para Professores — Ana Beatriz Rinaldi @ 14:25

Disciplina: Literatura Educação Infantil
Professora Ana Beatriz
Assunto: Estudo da história de Pinóquio

OBJETIVOS
Inspirar o amor à leitura; desenvolver a criatividade; imprimir gosto literário; apresentar referenciais de caráter; enriquecer o vocabulário; introduzir raciocínio bíblico através dos princípios.
Construir um Projeto Interdisciplinar envolvendo: Geografia, Literatura, História, Português.

(more…)

 

Aluno Cidadão do Futuro 19/10/2009

Filed under: Espaço para Professores — Ana Beatriz Rinaldi @ 19:19

Projeto: Aluno Cidadão do Futuro
Autores: Roberto e Ana Beatriz Rinaldi
Data: Julho de 2004

Preparando seu filho para ter êxito profissional no Século XXI

Nós como Escola devemos nos preocupar com as competências e habilidades que estamos formando nos nossos alunos. Estamos vivendo um tempo de grandes mudanças e precisamos acompanhar estas mudanças nos nossos currículos e nos tipos de atividades que escolhemos para fixar o conhecimento ensinado.

Aspectos em que o mercado de trabalho será afetado nos próximos anos:

(more…)

 

Fundamentos da Literatura 12/10/2009

Filed under: Espaço para Professores — Ana Beatriz Rinaldi @ 11:05

No começo do ano, quando recebemos nossos alunos para mais uma etapa da sua formação, é muito importante ensinarmos o porquê esta disciplina está inserida no currículo. Para isso, é preciso que os professores tenham feito sua própria pesquisa.

Em todos os tempos, a literatura foi veículo de expressão dos sentimentos, pensamentos de um grupo de pessoas naquela determinada ocasião. Quando queremos conhecer como pensam as nações ou mesmo um grupo de pessoas, buscamos ler seus autores. Sendo assim, através da literatura não apenas conhecemos como pensam outras nações ou parcela da sociedade, como também podemos buscar identificação na vida dos personagens que muitas vezes nos permitem conhecer melhor a nós mesmos ou a outros. As descrições dos personagens, feitas por grandes autores nos ajudam a entender os pensamentos de filosofias de vida e a cosmovisão daquele autor.

(more…)